Níveis hormonais satisfatórios

A importância da manutenção de taxas hormonais satisfatórias

 

Diariamente escuto: “Dra., meus exames estão todos normais. Os médicos dizem que eu não tenho nada. Como posso comer tão pouco e não parar de engordar?”

 

Usemos como exemplo a taxa de Testosterona livre, hormônio importante para manutenção da libido de homens e mulheres: no sexo masculino e em alguns laboratórios, os valores variam de 9 a 55.

 

Por que devemos aceitar manter nossos níveis hormonais no limite inferior? Por que devemos aceitar o declínio hormonal e metabólico, que geralmente é acompanhado de doenças, desânimo e obesidade?

 

Nossa recomendação é de que procuremos manter as taxas de alguns hormônios mais próximos do terço superior da considerada normalidade, para que vivamos com saúde e em boa forma.
Um outro hormônio que precisa estar bem balanceado é o TSH – que é um hormônio que regula a função da tireóide. Seus valores considerados normais: 0,5 à 5,5.
Observamos que a maioria das pessoas magras apresentam o nível de TSH mais próximo de 1 e quem tem dificuldade para emagrecer está na outra extremidade, com valores mais altos.

 

Qual o valor do seu TSH? Como vão suas dosagens hormonais?

 

Deficiência de minerais como o zinco e o selênio podem estar atrapalhando o funcionamento de suas glândulas tornando seu metabolismo mais lento.

 

Muitas vezes encontramos jovens de 30 anos com dosagens hormonais compatíveis com 60 anos de idade devido ao stress, sedentarismo, erros alimentares entre outras causas.

 

É preciso melhorar nossas taxas hormonais para mantermos nosso organismo na sua melhor performance, como já foi um dia.

 

Devo ter medo da reposição hormonal?

 

Eu desaconselho o uso de hormônios sintéticos e recomendo a utilização de hormônios bioidênticos, feitos a partir de vegetais como a soja e o inhame mexicano.

 

Fazer reposição hormonal bioidêntica sob a orientação de um médico especialista pode melhorar a qualidade de vida pois deficiências hormonais podem estar por trás de muitos problemas de saúde.

 

Diminuição hormonal – Reposição de líquidos

 

A partir dos 35 anos a produção hormonal começa a cair e nossa performance vai diminuindo dia após dia. A memória começa a falhar, o raciocínio pode ficar confuso, começa a faltar energia para sair da cama de manhã, diminui o interesse pelo sexo, diminui a criatividade junto com a iniciativa para iniciar novos projetos, diminui o interesse em praticar esporte, diminui a competitividade, aparece o mau humor, a depressão e a sonolência. O corpo vai endurecendo, a flexibilidade diminui, aparecem dores nas costas, no pescoço e na cabeça. + Diminuição hormonal – Reposição de líquidos

1 comentário

  1. Dr marcia, tenho 67 anos, mas sempre fui acostumada a ter uma boa relaçao sexual com minha esposa, poren de um tempo para ca, isso tudo mudou tenho desejo mas nao tenho ereçao, gostaria de voltar ao normal cono antes, reconheço minha idade, poren estudos que ja tenho feito, o homen chegaaos 80 sem muitas complicaçoes, Dr gostaria da ajuda da doutora,,,pois me incomoda muito ficar assim conto com seu pronto atendimento, nesta area ai esta meu email, dfique a vontade, desde ja nuito agradecido isael rodrigues pereira, tel 11 27132530.

Deixe eu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.